Adivinha #123

 


Fui branca de nação
e mais tarde mudei de cor
fui roubada sem ser sentida
para enriquecer meu senhor.

Ver Resposta

Adivinha #40

 


Sou uma dama preciosa,
dos mancebos desejada,
os cães comigo têm rixa,
só no mar sou desejada.

Ver Resposta

Adivinha #38

 


Água sem do céu cair,
nem da terra nascer
e que não serve para beber.

Ver Resposta

Adivinha #46

 


Verde que verde nasceu,
deita sangue sem dor,
faz três mudanças no ano,
sem nenhuma ser de amor.

Ver Resposta

Adivinha #24

 


Trabalho noite e dia,
se me derem que fazer,
nos dentes quero água,
na boca de comer.

Ver Resposta

Adivinha #29

 


Verde foi o meu nascimento,
coroaram-me em pequenina,
do coração me tiraram
mil pedras finas que eu tinha.

Ver Resposta

Adivinha #70

 


Qual é coisa, qual é ela,
alta como o pinheiro,
verde como as limas,
doce como o mel
e amarga como o fel?

Ver Resposta

Adivinha #126

 


O que é, o que é,
nome de home,
nome de mulher
e nome de flor?

Ver Resposta

Adivinha #56

 


Sou uma velha encarquilhada,
a oriente fui criada,
trouxeram-me por tal engenho,
quanto mais me querem, mais queimo.

Ver Resposta

Adivinha #88

 


Trabalho quanto posso,
ensino todo o sábio
e nem sei o pai-nosso.

Ver Resposta

Adivinha #74

 


Os homens dão-me governo,
aos homens governo dou,
se se esqueceram de mim,
o meu governo acabou.

Ver Resposta

Adivinha #68

 


Para casamentos e batizados
a mim me chamarão,
para coisas de cozinha,
falem lá com o meu irmão.

Ver Resposta